Marcos Coelho Benjamim
2 obra(s) encontrada(s)

Nanuque – 1952
 
Autodidata, começou, no início dos anos 70 intensa atividade como artista gráfico e cartunista. As obras de Marcos Benjamim parecem provocar no espectador a sensação de estar diante de um jogo. Madeira e metal como chapas e chapinhas, recortadas, dobradas e justapostas, transformam-se em superfícies diversas com um grande conteúdo minimalista.